Baseando os projetos Seis Sigma em evidências

O Seis Sigma é uma iniciativa empresarial comprovada em busca da perfeição que cria melhorias na lucratividade, produtividade e qualidade. Segundo o consultor organizacional Alípio Silva Pereira (qualipio@hotmail.com), ele é um meio altamente estruturado, aplicado projeto após projeto, de gerar resultados financeiros, e produz significativo valor em dinheiro, graças a uma série de intermináveis projetos de desenvolvimento. “Decisões baseadas em evidências caracterizam recordes seguidos dessa metodologia. Os elementos essenciais do desenvolvimento dos projetos Seis Sigma são as análises vetoriais aplicadas a matrizes de dados. Centenas de milhões de dólares têm sido repassados diretamente aos resultados financeiros de empresas em todo o mundo utilizando deste modelo de aperfeiçoamento e seu conjunto de ferramentas. Muito embora as grandes corporações multinacionais tenham atraído a maior atenção da mídia, podemos ver que uma companhia que fabrica peças plásticas sob moldagem á vácuo com apenas 26 funcionários obter resultados proporcionalmente idênticos, diz ele.

O conhecimento e a técnica do Seis Sigma evoluíram desde que o conceito da qualidade perfeita Seis Sigma foi inicialmente criado por um engenheiro de nome Bill Smith, da Motorola. O responsável na época pelo setor financeiro dessa empresa, Robert Galvin, foi o primeiro Champion em Seis Sigma. Ele conduziu entusiasticamente todo programa e pessoalmente removeu os obstáculos burocráticos aos aperfeiçoamentos dos desenvolvimentos. “O Seis Sigma tornou-se uma mercadoria de ensino e treinamento durante o final da década de 1990, e ganhou impulso à medida que amadurecia, assegura o consultor. “A marca de identificação Seis Sigma, de três sílabas e fácil memorização, está agregando valor à análise vetorial e à evidência objetiva. Seis Sigma ainda expressa substância. A satisfação do cliente, a informação da qualidade, a velocidade e as estruturas organizacionais leves são valores culturais do Seis Sigma. Tudo que apresenta valor é medido, analisado e recompensado. As medições do Seis Sigma são registradas em matrizes de dados. Visto que as aplicações de matrizes de dados são essenciais à análise vetorial, toda empresa que realmente segue essa técnica tem seus próprios padrões corporativos de software”.

Para Alipio, todo executivo detentor do título de Champion em Seis Sigma, que pretende ser promovido, e todo gerente em uma empresa que adota essa técnica, tem um software de matriz de dados carregado em seus computadores pessoais. Embora diversos produtos sejam disponíveis, dois em especial dominam o mercado: Minitab e JMP. “Uma análise Seis Sigma é uma análise vetorial aplicada a uma matriz de dados. O Seis Sigma recebe este nome a partir dos resultados da análise vetorial. Este processo analítico é, às vezes, denominado de Análise da Variância, ou ANOVA. Visto que o acrônimo e suas equações são normalmente apresentados de maneira a garantir entediar até acadêmicos plenos de motivação, chamá-los de Ferramentas Seis Sigma (Six Sigma Tools) tem promovido resultados maravilhosos. Executivos corporativos a adotam muito embora somente alguns saibam qual o significado real das palavras e do acrônimo. Isso constitui uma realização notável no livro de recordes de marketing de qualquer pessoa”.

Uma ANOVA decompõe dados primários em seis vetores (ver figura abaixo1). Dois são produtos de uma inteligência gerencial inestimável: sinais de ganho; e erro. Historicamente, os sinais de ganho têm sido tratados de desvio de tratamento, o que atrai engenheiros e estatísticos. O mercado de massa do Seis Sigma exige melhores nomes comerciais. O poder da computação transforma o que constituía uma série de cálculos algébricos de matrizes praticamente impossíveis de resolver um único comando de computador, Run Model.

 

Uma análise completa é composta de seis vetores. O vetor do Sinal de Ganho quantifica o componente mais importante

“Qualquer um que gostasse de analisar corretamente dados de medições pode agora executá-lo em questão de segundos. Quando uma empresa combina o poder da computação com os princípios do aprendizado acelerado de adultos e os projetos de desenvolvimento de mão na massa, os avanços geram, de modo rotineiro, enormes saltos na rentabilidade”, conclui.

Siga o blog no TWITTER

Mais notícias, artigos e informações sobre qualidade, meio ambiente, normalização e metrologia.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: