Avaliando a empregabilidade pessoal

TREINAMENTO PARA A QUALIDADE E PRODUTIVIDADE

CLIQUE SOBRE O CURSO DESEJADO E LEIA MAIS DETALHES

>> 10/01/2011 – INTERPRETAÇÃO DA NORMA ABNT NBR ISO 9001:2008

Pode-se definir a empregabilidade como a capacidade de um profissional estar apto a atender um determinado segmento de mercado. Empregabilidade geralmente vem acompanhada de adaptabilidade, que é a capacidade de se adaptar às exigências do mercado.

No mundo atual, é fundamental que o profissional entenda que não trabalha mais na condição de empregado, mas de prestador de serviços, já que não existe mais a relação que existia no passado de emprego, carreira e aposentadoria em uma única empresa. O profissional deve se preparar para atender diferentes empresas com diferentes necessidades ao longo de sua carreira, pois o mercado está mudando na velocidade da luz.

Para o coach sênior de carreiras e mestre em administração, Laerte Leite Cordeiro, o importante para um executivo, qualquer que seja sua área de atuação, é manter permanentemente em alta a sua empregabilidade, significando  que ele sempre deverá ter, para oferecer, um conjunto integrado de qualificações que as empresas venham a buscar no mercado ou nos próprios quadros. “Hoje em dia não basta apenas a competência técnica na área de opção, para assegurar alta empregabilidade; o mercado quer mais do que isso. Quer também a competência gerencial que leva a resultados e a competência humana e cultural que leva à produtiva relação com pessoas e organizações. A grande questão para cada profissional hoje em dia é saber como anda sua empregabilidade e como testá-la, sempre visando à atualização dos seus ativos profissionais e à compatibilização com as demandas empresariais. Saber o que o mercado quer, a qualquer momento,  é a chave da alta empregabilidade.

Cordeiro acredita que entre as formas de avaliação mais conhecidas e eficazes as mais importantes seja::

  • Atender aos convites eventuais de headhunters para participação em processos de seleção de executivos para seus clientes, com isso sendo informado, na prática, sobre aquilo que o mercado procura.
  • Assistir a cursos e palestras em sua área de atuação para sentir o que há de novo em seu campo de trabalho, permitindo-lhe encorpar o conjunto de seus ativos profissionais e ganhar mais empregabilidade.
  • Acompanhar de perto os anúncios de recrutamento dos jornais e revistas, visando  identificar os requisitos estabelecidos pelas empresas para os executivos que pretendem contratar.
  • Pesquisar nos livros e artigos de revistas especializadas em administração de empresas e em gestão de pessoas sobre as inovações e recomendações dos autores quanto ao que se espera de bons e atualizados executivos.
  • Participar de associações profissionais nas quais os debates e as discussões de temas ligados à atividade executiva, possam explicitar as qualificações essenciais para o perfil do executivo profissional de sucesso.
  • Frequentar congressos, simpósios, reuniões, palestras e fóruns, nos quais sejam examinados assuntos que levem, afinal, ao conhecimento do que as empresas irão cobrar no desempenho dos profissionais no mercado.
  • Manter sempre os canais abertos para aquelas pessoas que compõem o seu network pessoal, de forma a que elas possam servir como “informantes” de tudo quanto as empresas e o mercado de trabalho executivo venham a requisitar dos profissionais  militantes.

Outro problema em relação à empregabilidade diz respeito à qualificação, pois atualmente está ocorrendo uma considerável alteração na preparação da mão de obra, já que novas qualificações são criadas de forma acelerada. Para obter maior empregabilidade é necessário desenvolver as competências técnicas e abstratas. As primeiras são os conhecimentos mensuráveis de aprendizagem, como a formação curricular. Não se deve ir à escola porque é moda ou para conquistar o diploma e depois aprender na vida profissional. Educação escolar é a oportunidade de desenvolver conhecimento e habilidade de relacionamento interpessoal, ou seja, é o laboratório da vida pessoal e profissional.

Cordeiro assegura que o trabalho de manter-se alerta para as mudanças das exigências do mercado de trabalho é essencial para que qualquer executivo possa manter alta a sua empregabilidade. “E manter alta a sua empregabilidade é extremamente saudável para o executivo em momentos de mudança de emprego, assim como para assegurar seu crescimento hierárquico na empresa na qual atua. Lamentavelmente, porém, um grande número de executivos só passa a se preocupar com sua empregabilidade quando seu emprego entra em risco ou, quem sabe já muito tarde, quando o desemprego bate à porta. A recomendação é, pois, para que todo executivo procure continuamente testar sua empregabilidade, enfatizar os seus pontos altos e rapidamente melhorar aqueles aspectos de seu perfil que o afastem do interesse do mercado. A acomodação ou o desconhecimento podem levar até mesmo a um desastre em sua carreira”, complmenta.

Além disso, pode-se perguntar: será que eu estou no emprego certo? Em primeiro lugar, qualquer pessoa deve perguntar a si mesmo se está comprometida com o trabalho que executa. Estar comprometido é trabalhar com prazer, ter a consciência de que muitas outras pessoas necessitam do seu trabalho, executando as tarefas com prazer e fazendo mais do que se pede, não porque isso pode render um aumento salarial, mas sim pelo prazer de crescer como profissional naquilo que faz. Comprometer-se com a empresa é viver com a certeza de que faz sua parte bem feita, seguindo normas e princípios éticos com qualidade e eficácia.

E a empresa deve valorizar esses profissionais e não cometer injustiças deixando aquele que espera mais da sua profissão nas mesmas condições (ou às vezes abaixo) daqueles que saem de casa somente para passar o tempo, para trabalharem por dinheiro. Assim, pode obter qualidade do serviço nas atitudes do dia a dia, nas metas que cada um terá para sua vida e a maneira com que desenvolvem seu papel na organização.

Muitas vezes, as pessoas gastam grande parte do tempo, que já não é muito, tentando transformar os defeitos em qualidades, tentando mudar a personalidade e aptidões para conseguir desempenhar certas funções de maneira mais produtiva. Acontece que, segundo o consultor em gestão de pessoas, Eduardo Ferraz, focar nos pontos fracos é exatamente isso: pura perda de tempo. De acordo com o especialista, que aplica neurociência ao dia a dia das pessoas e empresas, um dos segredos do sucesso é ser a pessoa certa para o cargo certo e o ideal é, na verdade, melhorar ainda mais os pontos fortes e aplicar as características individuais estrategicamente. Mas, afinal, como sabe se sou a pessoa certa para o lugar certo?, pergunta Ferraz.

Ele responde citando um dos maiores presidentes de empresa de todos os tempos, Jack Welch, ex-presidente da General Eletric: “as coisas só acontecem quando se colocam as pessoas certas nos lugares certos. Nenhum sistema de gestão substitui o talento”. Mas, afinal de contas, como saber se estou no lugar certo? Para esclarecer a questão, ele procura entender melhor alguns conceitos sobre a personalidade e sua previsibilidade.

“Personalidade é a resultante da interação da hereditariedade com o meio, manifestada através dos comportamentos. Erich Fromm, grande psicanalista alemão, dizia há mais de 60 anos (o que a Neurociência comprova hoje) ser possível fazer previsões a respeito dos comportamentos de um indivíduo em situações futuras, pois, apesar da personalidade adquirir alguma maleabilidade com o passar dos anos, a estrutura (a base) continua sendo a mesma durante toda a vida. Tudo o que uma pessoa conseguiu até agora, e o que espera conseguir, tem relação direta com sua personalidade. Não seria exagero afirmar que ela é seu patrimônio mais importante. Mas, sabendo disso, como saber se sou a pessoa mais indicada um para determinado cargo?”, acrescenta.

Segundo Ferraz, um fator essencial para o sucesso em qualquer carreira é o autoconhecimento. Analise seu histórico. “Todo mundo, sem exceção, deixa um rastro durante a vida, e este passado aponta uma clara tendência futura. A personalidade, ao contrário do que muitos pensam, é relativamente previsível. Lagartixa não vira jacaré. Fazendo uma boa autoanálise, você descobrirá que habitats se encaixam melhor  com seu jeito de ser. A maior prioridade na vida de quem quer evoluir profissionalmente deveria ser descobrir quais são seus diferenciais e aperfeiçoá-los. A maioria das pessoas ignora os próprios talentos e, por isso, sai atirando para todos os lados: faz qualquer curso que aparece pela frente, muda de emprego várias vezes e não se especializa em nada. Mesmo traços aparentemente negativos podem ser considerados talentos se puderem ser usados produtivamente. Ser exigente, introvertido, insistente, desconfiado, sistemático, mandão ou impaciente pode ser um tremendo ponto forte se for trabalhado e  aplicado na função certa. Se o tímido trabalha a maior parte do tempo em tarefas que exijam muita concentração e pouco relacionamento pessoal, isso é um diferencial, e não um defeito. O problema é que muitas pessoas, por acharem que esses comportamentos são pontos fracos, tentam mudá-los, gastando tempo e energia que deveriam ser usados para aperfeiçoá-los. Conscientizar-se das próprias competências é o melhor caminho para posicionar-se no lugar certo”, conclui.

Siga o blog no TWITTER

Mais notícias, artigos e informações sobre qualidade, meio ambiente, normalização e metrologia.

 
 
  Eletricidade – Como fazer um bom uso sem acidentes

Eletricidade – Como fazer um bom uso sem acidentes.
Saiba que cuidados tomar com eletricidade que circula em casa
A cada ano, em média, 350 brasileiros morrem por causa de descargas elétricas. É quase uma morte por dia. Era pra ser mais um bico como pintor. “Eu ia aplicar textura na fachada da loja. Quando eu subi, só senti a pancada”, contou um pintor. A pancada foi uma descarga elétrica de 13,8 mil volts. O profissional sofreu queimaduras tão graves que até hoje, quase um mês depois do acidente, ainda não pode vestir camisa. “Aquela ferramenta que estava na mão virou um fogo, ela veio pra cima de mim”. Para mais informações clique no link

http://www.target.com.br/portal_new/Home.aspx?pp=27&c=1959

 
 

 

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: