Inserindo o item Compras na próxima revisão da ISO 9001

T A R G E T  G E D W E B – G e s t ã o  d o  C o n h e c i m e n t o

O Target GEDWeb – Gerenciador Eletrônico de Documentos via Web da Target – é o único Portal Corporativo no mercado que possibilita o gerenciamento de grandes acervos de normas técnicas, documentos técnicos e internos das organizações, e os disponibiliza de forma totalmente customizável, de acordo com as características e necessidades de seus usuários, seguindo todos os padrões visuais e de comunicação da empresa que o implanta.

Clique aqui para conhecer melhor o Target GEDWeb

comprasNesse site já abordei a revisão da norma em ISO 9001:2015 – a verdade sobre a revisão da norma Contudo, deve ser acrescentado que Comitê Brasileiro da Qualidade (CB 25) da ABNT apresentou na última reunião do TC176 da ISO em Beijing proposta para um novo item de trabalho (NWIP) sobre compras, que detalhasse o item 7.4 da NBR ISO 9001. Na interação com outros delegados, em particular com os franceses, foi constatado que a AFNOR já possui diversos documentos sobre o assunto, abrangendo inclusive o tema compras sustentáveis. Posteriormente foi constatado que a BSI também publicou norma britânica, e existem ainda alguns documentos europeus a respeito.

O ABNT/CB 25 instalará Grupo de Trabalho do SC3 para elaborar uma norma brasileira sobre compras, utilizando as normas citadas como subsídios, e a própria experiência de empresas brasileiras nessa prática. Dessa forma, os interessados em participar deste Grupo de Trabalho (GT) devem manifestar o interesse enviando e-mail para catalogo@abntcb25.com.br, ou ligando para (21) 2220-6631 (Alexandre Santos). Esse GT será coordenado pelo consultor B.V. Dagnino.

O que se precisa entender é que o item 7.4 Aquisição da ISO 9001 fala emn seu subitem 7.4.1 Processo de aquisição que a organização deve assegurar que o produto adquirido está conforme com os requisitos especificados de aquisição. O tipo e a extensão do controle aplicados ao fornecedor e ao produto adquirido devem depender do efeito do produto adquirido na realização subseqüente do produto ou no produto final. A organização deve avaliar e selecionar fornecedores com base na sua capacidade de fornecer produto de acordo com os requisitos da organização. Critérios para seleção, avaliação e reavaliaç-o devem ser estabelecidos. Devem ser mantidos registros dos resultados das avaliações e de quaisquer ações necessárias, oriundas da avaliação (ver 4.2.4). No 7.4.2 Informações de aquisição está escrito que as informaçóes de aquisição devem descrever o produto a ser adquirido e incluir, onde apropriado,

a) requisitos para a aprovação de produto, procedimentos, processos e equipamento,

b) requisitos para a qualificação de pessoal, e

c) requisitos do sistema de gestão da qualidade.

A organização deve assegurar a adequação dos requisitos de aquisição especificados antes da sua comunicação ao fornecedor.

7.4.3 Verificação do produto adquirido

A organização deve estabelecer e implementar a inspeção ou outras atividades necessarias para assegurar que o produto adquirido atenda aos requisitos de aquisição especificados. Quando a organização ou seu cliente pretender executar a verificação nas instalações do fornecedor, a organização deve declarar, nas informações de aquisição, as providências de verificação pretendidas e o método de liberação de produto. O termo compra pode ser definido como a aquisição onerosa de uma coisa ou de um direito, pelo qual se paga determinado preço.

Em linhas gerais, a gestão de compras é uma atividade fundamental para o bom gerenciamento das empresas e que influencia diretamente nos seus estoques e no relacionamento com os clientes, estando também relacionada à competitividade e ao sucesso da organização. Assim, a a função compras é responsável pelo estabelecimento do fluxo dos materiais na firma, pelo segmento junto ao fornecedor, e pela agilização da entrega. A aquisição de matérias primas, suprimentos e componentes representa um fator decisivo na atividade de uma empresa, pois dependendo de como é conduzida podem gerar redução nos custos e melhorias consideráveis nos lucros. A gestão da aquisição – a conhecida função de compras – assume papel verdadeiramente estratégico nos negócios de hoje em face do volume de recursos, principalmente financeiros, envolvidos, deixando cada vez mais para trás a visão preconceituosa de que era uma atividade burocrática e repetitiva, um centro de despesa e não um centro de lucros. Ao longo do tempo, a função compras passou a ser imprescindível para a administração de recursos materiais de uma empresa. Atualmente, saber comprar de forma a beneficiar a organização é determinante não somente para a competividade, como para a própria permanência da empresa no mercado. Há cálculos dizendo que o total gasto pelas empresas com compras varia de 50% a 80% da receita bruta. Portanto, pequenas reduções no custo das aquisições podem repercutir de maneira altamente positiva no lucro da empresa.

O BSI desenvolveu uma norma, a BS 8903, que é um guia para compras sustentáveis ou um forma de implementar um programa de compras sustentáveis na organização. Essa norma britânica fornece informações práticas para ajudar a implementação. Ele também inclui orientações sobre medida para ajudar as organizações a avaliar a extensão e eficácia da sua atividade de aquisições sustentáveis. Os princípios estabelecidos na norma BS 8903 são aplicáveis a ambas as organizações do sector público e privado. No entanto, os compradores do setor público devem cumprir directivas relativas aos contratos da UE (e os regulamentos que implementá-los no Reino Unido).

A UE tem requisitos em matéria de contratos públicos e que pode ser considerado em toda a qualificação do concurso e processo de contratação. É aconselhável que o parecer jurídico apropriado sempre seja procurado. Este guia fornece informações que podem ser úteis aos concursos públicos, mas que deveria ser lido em conjunto com as últimas diretivas, regulamentos e políticas governamentais. Fornece orientação detalhada em todas as fases do processo de aquisição e é aplicável: para pessoas físicas e pequenas e grandes organizações, responsáveis pela encomenda ou solicitação de qualquer forma de bens, obras ou serviços, independentemente do setor, para uso próprio, revenda ou para apoiar a prestação de serviços; em todo o setor público, setor privado e terceiro setor; em todo o ciclo de compras completo, incluindo as compras de uma só vez aos contratos em andamento com parceiros fornecedores de longo prazo.

Conteúdo da BS 8903:

  • Prefácio
  • Seção 1: General
  • Introdução
  • Âmbito
  • Termos e definições
  • O que é licitação sustentável?
  • Seção 2: Fundamentos
  • Política Organizacional
  • Política de compras sustentáveis e da estratégia
  • Seção 3: O processo de aquisição
  • Considerações relativas à sustentabilidade no processo de aquisições
  • Seção 4: Enablers
  • Liderança e governação
  • Pessoas
  • A avaliação dos riscos e oportunidades
  • Engajamento
  • Medição
  • Anexos
  • Anexo A (informativo) orientação dos contratos públicos
  • Anexo B (normativo) o planejamento engajamento das partes interessadas
  • Anexo C (informativo) Uma introdução aos rótulos ecológicos e nas declarações ambientais
  • Anexo D (informativo) Exemplo questionários de pré-qualificação
  • Anexo E (informativo) recursos adicionais
  • Bibliografia

Siga o blog no TWITTER

Mais notícias, artigos e informações sobre qualidade, meio ambiente, normalização e metrologia.

Linkedin: http://br.linkedin.com/pub/hayrton-prado/2/740/27a

Facebook: http://www.facebook.com/#!/hayrton.prado

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: