Qual a lâmpada mais indicada para cada aplicação?

COLETÂNEA DE NORMAS TÉCNICAS

Coletânea Série Transformadores de Potência

Coletânea Digital Target com as Normas Técnicas, Regulamentos, etc, relacionadas à Transformadores de Potência
Saiba Mais…

A Santil conta com grande experiência quando o assunto é a variedade e a eficiência das lâmpadas disponíveis no mercado, tanto para uso residencial, comercial, industrial ou público. Com o fim da comercialização das lâmpadas incandescentes – mais tradicionais, baratas e confortáveis, porém menos econômicas – uma das principais dúvidas dos consumidores na hora de escolher o modelo mais indicado é a correspondência desses produtos com as novas tecnologias, para que a iluminação não se torne um incômodo no ambiente onde está sendo utilizada.

Embora pareça simples, a tarefa de comprar uma lâmpada envolve vários aspectos técnicos dados o número de modelos e as características de cada um deles. Os modelos de LED (sigla para diodo emissor de luz, em português), por serem mais recentes no mercado, são os que mais geram dúvidas, mas as fluorescentes compactas também podem confundir os consumidores no momento da compra.

As lâmpadas de LED são as mais caras, mas prometem durabilidade de 50 mil horas e consumo de energia elétrica até 90% menor do que as convencionais. As fluorescentes compactas, que podem representar uma economia de 75%, ainda são mais caras dos que as incandescentes, mas estão se tornando mais acessíveis e uma opção eficiente para diferentes aplicações, pois emitem tanto luz branca como amarela e não esquentam.

A questão econômica, tanto em relação ao preço de aquisição como ao consumo, tem muita relevância nessa escolha, mas o conforto visual é outro aspecto preponderante. Mais clara ou mais escura, amarelada ou branca (tecnicamente, chamada de temperatura de cor, medida em graus Kelvin), a iluminação faz toda a diferença nos ambientes.

A tonalidade amarela, mais indicada para salas e dormitórios, ainda é o ponto forte das antigas incandescentes, pois geram uma sensação de aconchego –  temperatura de cor deve ficar em torno dos 3.000 K. Em geral, grandes áreas, escritórios, cozinhas e banheiros precisam de uma iluminação branca, que é mais estimulante, com temperatura de cor em torno de 6.000 K. Quartos que são utilizados como escritório, por exemplo, podem combinar lâmpadas dos dois tipos.

Na troca de tecnologia, entretanto, recomenda-se que o consumidor encontre a lâmpada com reprodução de cor equivalente àquela que utiliza costumeiramente. Para isso, deve-se atentar para a equivalência entre os principais tipos de lâmpadas, informação apresentada, geralmente, na embalagem do produto. Em média, a correspondência dá-se da seguinte forma:

 

LED
FLUORESCENTE COMPACTA
INCANDESCENTE
3W
9W
40W
5W
11W
50W
7W
15W
60W
10W
20W
75W
12W
25W
120W

 

Advertisements

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: