Previsão: 163,6 mil trabalhadores temporários devem ser contratados no final do ano

Curso: Filtros de Harmônicos em Sistemas Industriais
Publicada em 08/10/2014

Esse treinamento oferece os subsídios mínimos para a aplicação de capacitores, mesmo na presença…

Leia mais…

As comemorações de final de ano tradicionalmente intensificam a movimentação comercial e, para dar conta de atender a demanda, a indústria e o comércio costumam contar com ajuda extra. Em todo Brasil deverão ser contratados 163,6 mil trabalhadores temporários, 1% a mais do que no ano passado. Após o término do contrato, cerca de 8 mil pessoas devem ser efetivadas.

O levantamento foi encomendado pelo Sindicato das Empresas de Prestação de Serviços Terceirizáveis e de Trabalho Temporário do Estado de São Paulo (Sindeprestem) e pela Federação Nacional dos Sindicatos de Empresas de RH, Trabalho Temporário e Terceirizado (Fenaserhtt) ao Instituto de Pesquisa Manager (Ipema). De acordo com o presidente do Sindeprestem e da Fenaserhtt, Vander Morales, a desaceleração da economia – com avanço da inflação, alta da taxa de juros e dólar rompendo patamares anteriores – indica a possibilidade das contratações temporárias ficarem para a última hora. “A indústria, por necessidade de produção, contrata mão de obra adicional muito antes do comércio, este mais sensível aos rumos da economia. É possível que nesse ano o varejo primeiro avalie a movimentação comercial para depois contratar mão de obra extra, em meados de novembro”.

Muitos jovens poderão ter a primeira oportunidade de trabalho nesse final de ano. A pesquisa do Sindeprestem/Fenaserhtt prevê a contratação de 24,5 mil temporários com idades entre 18 e 24 anos. “Normalmente dezembro e janeiro são meses de férias escolares, então muitos aproveitam o período para ganhar dinheiro e ao mesmo tempo adquirir experiência profissional. O trabalho temporário é um facilitador para a entrada no mercado”, diz Maria Olinda Longuini, diretora do Sindeprestem e da Fenaserhtt.

CONTRATAÇÕES

REMUNERAÇÃO

Os salários pagos pela indústria e pelo comércio estão mais altos do que no ano passado: 6% e 5%, respectivamente.

INDÚSTRIA

Remuneração média: R$ 1.298,00 (+6%)
– Os salários pagos pela indústria aos temporários contratados oscilam entre R$ 996 e R$ 1.600. Benefícios: vale-transporte e vale-refeição.

– Faixa etária: 70% com idades entre 18 e 39 anos
HOMENS X MULHERES

COMÉRCIO

Remuneração média: R$ 1.024,00 (+5%)
– Os salários pagos pelo comércio aos temporários contratados oscilam entre R$ 768 e R$ 1.280. Benefícios: vale-transporte e vale-refeição, mais possíveis prêmios por metas atingidas.

– Faixa etária: 65% com idades entre 18 e 39 anos

COMPARATIVO ANUAL

O Ministério do Trabalho e Emprego (MTE) ampliou o contrato de trabalho temporário para até nove meses (Portaria nº. 789/2014). Antes, por lei, o prazo máximo permitido era de até seis meses. A nova regra, porém, só é válida quando há comprovação da necessidade de substituição de funcionário regular e permanente. Portanto, não pode ser aplicada nos contratos firmados para suprir o acréscimo extraordinário de serviços, situação comum no período que antecede datas comemorativas como o Natal, Páscoa e Dia das Mães.

Joelma de Matos Dantas, gerente jurídica do Sindeprestem, explica que os contratos firmados para o final do ano no geral seguirão as regras anteriores à Portaria 789. “A indústria e o comércio contratam trabalhadores temporários devido ao aumento da produção e do consumo, principalmente após o pagamento do 13º salário. E para essa situação o prazo permitido por lei continua sendo três meses, prorrogáveis por outros três meses após aprovação do MTE.”

brasil

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: