A ISO 14001 e a tecnologia verde

Daniela Albuquerque de Oliveira

A ISO 14001 é uma norma de sistema de gestão que permite às organizações prevenirem a poluição gerada durante suas atividades, tanto na fabricação de produtos quanto na prestação de serviços. Por meio da implementação dos requisitos da norma, a empresa consegue identificar os aspectos ambientais da sua operação, ou seja, quais são os elementos que interagem com o meio ambiente e qual o impacto gerado. Ao fazer essa análise, a empresa deve considerar a legislação ambiental aplicável e assim estabelecer controles operacionais que minimizem ou diminuam esses impactos no meio ambiente.

A implementação da ISO 14001 é o melhor caminho para uma empresa garantir o atendimento à legislação ambiental, evitando multas e estabelecendo processos para prevenir a poluição, tornando-se ambientalmente correta. Essa é uma questão crucial quando falamos da manutenção de data centers.

Por armazenar dados fundamentais para a operação de seus clientes, essas estruturas têm a premissa fundamental de operação constante. Além do alto consumo de energia elétrica, no caso de alguma pane, precisam de uma fonte de alimentação ininterrupta, um gerador que garanta o funcionamento. Os equipamentos alocados nesses centros de dados também precisam estar sob temperaturas precisas e controladas por meio de ar condicionados.

Estima-se que um data center utilize 100 vezes mais energia do que um escritório comum. Com o aumento na quantidade de data centers, esse tipo de negócio tornou-se um vilão das práticas ambientais, sendo responsável por quase 2% de toda a energia utilizada no mundo.

É nesse cenário que se iniciou nos últimos anos uma corrente voltada para a prática da TI Verde, que expressa a preocupação das empresas com o meio ambiente. Está ficando cada vez mais claro que se tornar verde é uma necessidade que as empresas precisam incorporar o quanto antes, se quiserem sobreviver economicamente.

WORKSHOP ISO 9001:2015

EVENTO GRATUITO

28 de novembro

Sorocaba – SP

mailingA ISO publicou o Draft International Standard (DIS) da ISO 9001 – Quality Management Systems, em um processo de que todas as normas da instituição são revisadas a cada cinco anos. E para se preparar para as mudanças a empresas certificadas devem procurar conhecer as alterações com um instrutor homologado pelo International Register of Certificated Auditors (IRCA). As principais alterações no novo projeto, principalmente em relacionar a importância crescente da gestão de risco, incluem: a mesma estrutura de alto nível usado por outras normas de sistemas de gestão que irá ajudar as empresas na execução de mais de um padrão, a identificação de riscos e controle de risco como requisitos da norma; a exigência da alta administração em assumir um papel mais ativo no alinhamento das políticas de qualidade com as necessidades do negócio; e uma série de mudanças na terminologia. Às organizações certificadas com a norma atual, ISO 9001:2008, será dado um período de transição de três anos após a nova versão ser publicada a fim de migrar para a nova edição.

Mais informações: Raquel: (15) 3228-2854 – raquel@consultoriaiso.com.br

Economia de recursos naturais, reciclagem dos equipamentos e elaboração de projetos modernos de sustentabilidade passaram a ser uma tendência. O processo de implementação de uma ISO 14001 em um data center é muito parecido com os de outras organizações. A grande particularidade é que os controles operacionais a fim de minimizar os impactos ambientais são mais complexos, como por exemplo aumento da eficiência energética da organização, indicação de novas formas de resfriamento, desenvolvimento de técnicas operacionais mais eficientes e adoção de métodos de reutilização de equipamentos, diminuindo o descarte desses materiais no meio ambiente.

Implementar esses controles – e outros necessários de acordo com a legislação – é um grande desafio das empresas que decidem adotar uma norma de gestão ambiental. Por esse motivo é importante seguir algumas etapas:

1.      Definir uma equipe responsável por esse projeto

2.      Elaborar a Política Ambiental da Empresa

3.      Definir Objetivos, Programas e Metas Ambientais consistentes com a Política Ambiental da empresa

4.      Identificar os Aspectos e os Impactos Ambientais e avaliar esses impactos em relação ao risco que oferecem ao meio ambiente

5.      Identificar, Avaliar e Monitorar a Legislação Ambiental Aplicável

6.      Elaborar Controles Operacionais a fim de minimizar ou mitigar o impacto ambiental detectado

7.      Garantir que todos os envolvidos sejam competentes para desempenhar as atividades

8.      Definir métodos para resposta à possíveis emergências

9.      Estabelecer Indicadores para monitorar o atendimento aos Objetivos Ambientais da Empresa

10.  Realizar auditorias internas a fim de avaliar a conformidade com os requisitos implementados

11.  Analisar Criticamente os dados do sistema de gestão a fim de identificar pontos de melhorias a serem implementados

12.  Realizar Auditoria Externa por um Organismo de Certificação Acreditado para receber o certificado da ISO 14001.

A companhia precisa passar por todas as etapas acima e estar em conformidade com os critérios da norma ISO 14001. Além dos requisitos normativos, alguns itens importantes a serem observados ao iniciar um projeto de implementação da ISO 14001 são: adequação à todas as licenças obrigatórias relativas ao negócio; levantamento de pendências ambientais em órgãos municipais, estaduais e federais; avaliação do passivo ambiental; elaboração de planos para eliminar as pendências ambientais; e a adoção de práticas para evitar novos passivos ambientais.

Muitas são as vantagens que uma empresa pode obter com a certificação ISO 14001, como o aumento da eficiência energética, a redução de cus com melhoria na performance dos processos da organização aliado a um menor consumo de recursos naturais, e o aumento da qualidade dos produtos, serviços e processos. Ainda deve ser considerada uma melhoria na imagem da empresa perante o mercado e a consequente conquista de novos clientes.

O ISO 14001 ainda traz outros fatores interessantes para a empresa, como a implementação de ferramentas que identificam fontes de desperdício na refrigeração dos ambientes; redução de riscos de acidentes, de sanções legais e multas; redução do consumo de matérias-primas por meio da reciclagem; economia na utilização de consumo de papel e materiais de escritório; utilização de tecnologias que permitem maior vida útil dos equipamentos; redução da utilização de água e energia e utilização de fontes renováveis.

Outras vantagens passam pelo desenvolvimento de projetos de infraestrutura que dividem de forma eficiente os espaços da empresa a fim de possibilitar a melhor utilização dos recursos; investimento em projetos que reduzem as emissões de carbono; fornecedores homologados para gerar uma cadeia de fornecimento ambientalmente correta; e aumento das possibilidade de financiamentos, devido ao bom histórico ambiental.

Mais do que um modismo, a preocupação com o meio ambiente é uma questão de sobrevivência de negócios e do planeta. Com o processo de certificação ambiental, as companhias têm um método assertivo e garantido de cumprir as legislações e se comprometer com as melhores práticas verdes.

Daniela Albuquerque de Oliveira é coordenadora técnica da Templum Consultoria Online. Formada em Comunicação Social, pós-graduada em Gestão de Negócios pela Escola Superior de Administração, Marketing e Comunicação (ESAMC), especializada em Sistemas de Gestão Integrada em ISO 9001:2008; ISO 14001:2004; OHSAS 18001:2008 e ISO 26000. Atua no mercado de Qualidade há oito anos.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: