A importância de educar digitalmente seus funcionários

Aterramento e a Proteção de Instalações e Equipamentos Sensíveis contra Raios: Fatos e Mitos – A partir de 3 x R$ 257,81 (56% de desconto)

Proteção contra Descargas Atmosféricas de acordo com a Nova NBR 5419 de 06/2015 – A partir de 3 x R$ 264,00 (56% de desconto)

Todos precisam recorrer à ajuda dos especialistas em TI de vez em quando. Mesmo quem não tem dificuldades para alterar configurações no computador ou instalar e atualizar softwares, muitas vezes, sente-se em apuros ao sofrer um ciberataque. O que você faria se perdesse o smartphone da empresa, que contém dados sigilosos de vendas? Ou se o computador do escritório fosse infectado por um vírus que exclui ou transfere dados importantes e necessários para o seu trabalho?

Geralmente, ao pedir ajuda da equipe de TI, já ocorreu uma violação das políticas de segurança. O maior risco é a perda ou roubo de dados, que podem resultar diretamente em prejuízos para a empresa, como tempo de inatividade, perda de clientes, danos à reputação, roubo de dinheiro das contas da empresa, divulgação de informações confidenciais, etc.

Há medidas que podem ser tomadas para evitar que estes episódios ocorram, melhorando o cuidado de cada um em relação a sua própria segurança digital. Lembre-se de que os executivos da empresa formam a linha de frente da defesa virtual e muitas coisas dependem de sua conduta. Os especialistas da Kaspersky Lab reuniram regras simples que protegerão você e a sua empresa de ataques. Algumas delas podem parecer óbvias, mas muitas empresas têm detectado tarde demais que seus funcionários não as seguem.

Não confie em e-mails suspeitos

  • Ao receber um e-mail com um link estranho, um anexo ou uma solicitação de dados privados ou corporativos, não o abra imediatamente, mesmo que tenha sido enviado de um endereço conhecido. Provavelmente, são cibercriminosos tentando enganá-lo para obter acesso a informações confidenciais da empresa.
  • Não clique imediatamente nos links, mesmo que pareçam conhecidos. Passe o mouse sobre o link e verifique se o endereço coincide com o endereço do e-mail (ele é exibido na janela que é aberta).
  • Não presuma que um e-mail com um link, anexo ou solicitação de dados pessoais é seguro só porque veio de um endereço conhecido. Confirme se ele foi mesmo enviado por seu colega ou amigo.
  • Não use seu endereço de e-mail corporativo para atividades pessoais; se o fizer, mais cedo ou mais tarde, receberá e-mails de phishing com avisos do Facebook ou LinkedIn.


Use somente pendrives USB que foram verificados

Evite usar dispositivos USB de outras pessoas. Se for imprescindível, primeiro faça uma verificação de malware da memória USB. Cuidado com qualquer dispositivo de armazenamento recebido como presente, especialmente se você não conhece a pessoa que te presenteou. Os pen drives USB são ótimos para armazenar ou transferir dados, mas também são fáceis de perder e roubar, portanto, os dados gravados na mídia de armazenamento devem estar criptografados para que não sejam úteis a terceiros.

Não se esqueça das atualizações

Cibercriminosos não dormem em serviço! Eles estão sempre buscando maneiras de invadir redes corporativas. Não deixe de fazer rapidamente todas as atualizações sugeridos pelo seu sistema operacional e pelos aplicativos instalados em seus dispositivos. Não espere até que seja tarde demais.

Redes públicas de Wi-Fi não são seguras

Ao usar o Wi-Fi em locais públicos, tente se conectar somente a redes de grandes empresas de telecomunicações, que têm conexões seguras. Não entre em redes sem proteção ou redes privadas desconhecidas. Se estiver em um Wi-Fi público. sempre que possível, use conexões de VPN para trabalhar com documentos da empresa. Ao usar seu dispositivo em um lugar público, preste atenção, pois as pessoas ao seu redor podem ver as informações na tela ou adivinhar uma senha que você digite.

Cuidado ao colocar informações pessoais ou corporativas nas redes sociais

Cuidado com as informações que você coloca nas redes sociais. Lembre-se de que qualquer informação pode se tornar pública. Nunca inclua informações importantes em seu perfil público. Não adicione pessoas desconhecidas como amigos. Verifique as recomendações e os amigos em comum para ter certeza de que não se trata de um criminoso querendo ganhar sua confiança.

Não deixe outras pessoas usarem a câmera de seus dispositivos

Se o dispositivo tiver uma webcam, sempre desconfie. Um criminoso pode obter acesso à câmera sem você perceber, e eles não precisam nem de um software especial para fazer isso. Sempre que você usar o Skype ou qualquer outro aplicativo de comunicação com a câmera ativa, fique atento! Ao terminar a conversa, pressione o botão para encerrar a telecomunicação. Não basta fechar a caixa de diálogo, achando que a comunicação foi desligada. Lembre-se de que é possível gravar qualquer conversa pela câmera sem você saber. Quando não estiver usando a câmera, ela deve ficar coberta. Não atenda chamadas de vídeo de estranhos.

Não ignore a linha de frente da defesa virtual individual

Ninguém gosta de usar senhas longas e complexas em seus dispositivos, especialmente quando elas são diferentes em cada dispositivo. É difícil lembrar-se de todas, e também não é fácil mudá-las regularmente. No entanto, essa é a linha de frente de defesa e é essencial contra os crimes virtuais. Não é possível ignorar o fato de que uma senha simples facilita o acesso dos criminosos a seus dados pessoais e corporativos. Quanto maior for a senha, mais confiável será a proteção que ela proporciona ao dispositivo contra roubo de dados e hackers. As senhas devem combinar caracteres, números e símbolos. Não use a mesma senha em todos os dispositivos e contas. Troque suas senhas periodicamente. Não guarde suas senhas nos dispositivos, especialmente quando eles não são criptografados.

É muito fácil invadir, perder ou roubar dispositivos móveis

Lembre-se: quanto menor for o dispositivo, mais fácil será perdê-lo ou esquecê-lo em algum lugar, ou mesmo tê-lo roubado. Sempre cuide de seus dispositivos enquanto viaja ou está em lugares públicos. Sempre guarde o dispositivo enquanto estiver prestando atenção em outra coisa ou ao terminar de usá-lo. Não esqueça que apenas uma senha não é o suficiente para proteger um dispositivo. Use outras ferramentas de proteção, como a criptografia de dados e o controle remoto fornecido por políticas de segurança. Elas permitem  bloquear remotamente seu dispositivo ou apagar dados importantes caso ele seja perdido ou roubado.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: