NFPA 24: a instalação de redes privadas de bombeiros

Essa norma internacional, editada em 2019 pela National Fire Protection Association (NFPA), apresenta os requisitos abrangentes que regem as redes de bombeiros e hidrantes privados. Abrange a localização e identificação de conexões de departamentos, proteção da rede de bombeiros e válvulas que controlam o abastecimento de água.

A NFPA 24:2019 – Standard for the Installation of Private Fire Service Mains and Their Appurtenances apresenta os requisitos abrangentes que regem as redes de bombeiros e hidrantes privados. Abrange a localização e identificação de conexões de departamentos, proteção da rede de bombeiros e válvulas que controlam o abastecimento de água. Os seus critérios também tratam da rede de bombeiros subterrânea e equipamentos relacionados, a tubulação de quintal que alimenta sistemas automáticos de aspersão, hidrantes de quintal, tubulações e outros sistemas à base de água.

Essa norma abrange os requisitos mínimos para a instalação de redes de bombeiros particulares e seus acessórios, fornecendo o seguinte: os sistemas de sprinklers automáticos, os sistemas de sprinklers abertos, os sistemas fixos de spray de água, os sistemas de espuma, os hidrantes particulares, a forma de monitorar os bicos ou sistemas de tubulações com referência ao suprimento de água e os locais das mangueiras. Aplica-se às redes de serviço combinadas usadas para transportar água para serviços de incêndio e outros usos.

Esta norma não se aplica às seguintes situações: rede elétrica sob controle de uma concessionária de água; rede elétrica que fornece proteção contra incêndio e/ou água tratada de propriedade privada, mas que são operadas como concessionárias de água. Não se aplica a redes subterrâneas que atendem a sistemas de aspersão projetados e instalados de acordo com a NFPA 13R com tamanho inferior a 4 pol. (102 mm). Não se aplica a redes subterrâneas que servem sistemas de aspersão projetados e instalados de acordo com a NFPA 13D.

Conteúdo da norma

Capítulo 1 Administração

1.1 Escopo

1.2 Objetivo

1.3 Retroatividade

1.4 Equivalência

1.5 Unidades

Capítulo 2 Publicações referenciadas

2.1 Geral

2.2 Publicações da NFPA

2.3 Outras publicações

2.4 Referências para extratos em seções obrigatórias

Capítulo 3 Definições

3.1 Geral

3.2 Definições oficiais da NFPA

3.3 Definições gerais

3.4 Definições de hidrante

Capítulo 4 Requisitos gerais

4.1 Planos

4.2 Trabalho de instalação

Capítulo 5 Abastecimento de água

5.1 Conexão com sistemas hidráulicos

5.2 Tamanho da rede elétrica

5.3 Dispositivos e medidores de regulação de pressão

5.4 Conexão de sistemas hidráulicos

5.5 Conexões com sistemas públicos de água

5.6 Bombas

5.7 Tanques

5.8 Represas, rios, lagos ou reservatórios

5.9 Conexões remotas dos bombeiros

Capítulo 6 Conexões de abastecimento de água

6.1 Válvulas

6.2 Conexões com o abastecimento de água

6.3 Válvulas pós-indicador

6.4 Válvulas em poços

6.5 Conjuntos de prevenção de refluxo

6.6 Válvulas seccionais

6.7 Identificação e fixação de válvulas

6.8 Válvulas de retenção

Capítulo 7 Hidrantes

7.1 Geral

7.2 Número e localização

7.3 Instalação

Capítulo 8 Casas e equipamentos para mangueiras

8.1 Geral

8.2 Localização

8.3 Construção

8.4 Tamanho e arranjo

8.5 Marcação

8.6 Equipamento geral

8.7 Proibido o uso de serviço doméstico

Capítulo 9 Correntes de água

9.1 Fluxos principais

9.2 Aplicação e considerações especiais

Capítulo 10 Requisitos subterrâneos

10.1 Tubulação

10.2 Acessórios

10.3 Conexão de tubos, conexões e acessórios

10.4 Proteção da rede privada de bombeiros

10.5 Aterramento e ligação

10.6 Restrição

10.7 Graus íngremes

10.8 Requisitos de instalação

10.9 Preenchimento

10.10 Ensaio e aceitação.

Capítulo 11 Cálculos hidráulicos

11.1 Cálculos em unidades habituais nos EUA

11.2 Cálculos em unidades SI

Capítulo 12 Tubos e conexões acima do solo

12.1 Geral

12.2 Proteção da tubulação.

Capítulo 13 Tamanhos de tubos enterrados

13.1 Rede de serviço privado

13.2 Fontes principais que não fornecem aos hidrantes

13.3 Rede que fornece aos sistemas de proteção contra incêndio

Capítulo 14 Inspeção, ensaio e manutenção do sistema

14.1 Geral

Anexo A Material explicativo

Anexo B Questões de supervisão de válvulas

Anexo C Prática recomendada para ensaio de fluxo de incêndio

Anexo D Prática recomendada para marcação de hidrantes

Anexo E Referências informativas

Esta norma crítica abrange a localização e a identificação de conexões de departamentos, proteção da rede de bombeiros e válvulas que controlam o abastecimento de água. Os critérios da NFPA 24 também tratam da rede de subterrânea para os bombeiros e equipamentos relacionados, a tubulação local que alimenta os sistemas automáticos de aspersão, hidrantes no local, tubulações e outros sistemas à base de água. A edição de 2019 inclui: as alterações relacionadas à abertura de valas e aterro, os requisitos de ensaio de aceitação pela primeira vez para tubulação acima do solo e as revisões que esclarecem o uso limitado de tubulações de aço para serviços subterrâneos.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: